As novas correntes da teoria social mundial

Esta linha de pesquisa pretende levar a cabo uma reconstrução sistemática da teoria social contemporânea, reconstrução que está fundada sobre a filosofia social alemã, dialoga com a teoria social anglo-saxã e debate com a teoria sociológica francesa. A partir de uma reflexão metateórica acerca dos seus fundamentos filosóficos, ele pretende mapear as principais constelações transnacionais nas teorias social e sociológica (com destaque especial para a sociologia pós-bourdieusiana, o pós-estruturalismo e a microssociologia) e contribuir ao desenvolvimento de uma teoria social mais geral que integra as teorias da ação, da ordem e da mudança social num quadro analítico mais sintético. Este mapeamento de teorias produzidas nas principais tradições da sociologia não serve somente como veículo de importação de teorias, mas trabalha as teorias como “pré-textos” que precisam ser sistemática e metodicamente “torcidos” para que possam servir como ferramentas de interpretação da vida social no Brasil.